Musical que celebra vida de Elza Soares reestreia no Rio de Janeiro

Sucesso de público e crítica, o espetáculo é um ato político que desconstrói a engessada fórmula do musical biográfico brasileiro.

Em cena, as sete atrizes atuam em cima de baldes de lata / Foto por Leo Aversa.

O musical que homenageia a grande diva da música popular brasileira, Elza Soares, entrará em cartaz novamente no Rio de Janeiro para curta temporada. O espetáculo, que leva o nome da cantora e foge do formato biográfico tradicional, reestreia no dia 07 de dezembro e ficará em exibição até o dia 23 no Teatro Riachuelo. Com direção de Duda Maia e texto de Vinicius Calderoni, “Elza” conta a história de força e resistência da grandiosa artista que marcou época, ao mesmo tempo em que faz uma reflexão política do quadro da mulher brasileira na sociedade. 

As sessões serão às quintas e aos domingo às 19h00 e às sexta e aos sábados às 20h00. Os ingressos custam a partir de 25 reais (meia entrada) e já estão à venda no site da Ingresso Rápido, na loja Riachuelo de Ipanema e na bilheteria do próprio teatro.

A montagem, aclamada pelo público e pela crítica, traz para os palcos de forma não-cronológica os principais episódios da vida e carreira de Elza, evidenciando cada momento desde sua origem pobre até a luta pela ascensão ao estrelato nacional e internacional, consolidando-se como uma das principais vozes da mulher negra brasileira. As múltiplas facetas duras na queda da artista, que completou 81 anos recentemente, ganham vida em cenas vividas pelas sete atrizes e cantoras Larissa Luz, Janamô, Júlia Tizumba, Késia Estácio, Khrystal, Laís Lacôrte e Verônica Bonfim. 

“A nossa tentativa é de não encobrir as mazelas sofridas por ela, mas de retratá-las sob a perspectiva da vitória. A denúncia existe, mas sob o prisma de quem superou tudo aquilo e foi além. De quem levantou e deu a volta por cima. Assim, ela se torna impulsionadora, motivo para que outras pessoas que vivem e passam por coisas parecidas, sigam adiante e superem todos os obstáculos para fazer história”, contou Larissa Luz em entrevista ao site Hypeness. 

O espetáculo foi desenvolvido ao longo dos últimos meses por Andrea Alves, da Sarau Agência, a partir de um convite da própria Elza e de seus produtores Juliano Almeida e Pedro Loureiro. O repertório passa pelos sucessos regravados pela artista e pelas canções inéditas de seus dois discos mais recentes “A Mulher do Fim do Mundo” (2015), vencedor do Grammy Latino, e “Deus É Mulher” (2018).

O musical, que já esteve em cartaz no Rio e em São Paulo, foi o vencedor da categoria Melhor Espetáculo do Prêmio Reverência de teatro musical, e levou ainda os troféus de Melhor Direção (Duda Maia), Melhor Autor (Vinicius Calderoni) e Categoria Especial pelos arranjos do maestro Letieres Leite.

SERVIÇO – MUSICAL “ELZA”

Local: Teatro Riachuelo – Rua do Passeio, 40

Data: 7 a 23 de Dezembro

Sessões: Quinta e Domingo às 19h00, Sexta e Sábado às 20h00

Duração: 120 minutos

Classificação: 14 Anos

Preço: a partir de 25 reais (meia)

Ingressos: https://www.ingressorapido.com.br/event/6788/d/49111

Ponto de Venda Sem Taxa de Conveniência: Loja Riachuelo Ipanema.

Endereço: Rua Visconde de Pirajá, 321.

Ponto de Venda Sem Taxa de Conveniência: Teatro Riachuelo

Endereço: Rua do Passeio, 38/40. Centro – Rio de Janeiro