in

Primeiras Impressões | “O Cristal Encantado: A Era da Resistência” – 1° temporada

Nesta sexta (30) chegou ao catálogo Netflix a produção original “O Cristal Encantado: A Era da Resistência”. Com dez episódios, a série de fantasia retorna ao mundo de Thra criado em 1982 por Jim Henson, o mesmo de “The Muppets”.

“O mundo de Thra está morrendo, e o Cristal da Verdade está no coração de Thra, uma fonte de poder incalculável, mas é danificado, corrompido pelo malvado Skeksis, e uma doença se espalha pela terra. Quando três Gelfling descobrem a verdade terrível por trás do poder de Skeksis, uma aventura tem início, os fogos da rebelião são acesos e começa uma épica batalha em todo o planeta.”, conta a sinopse.

O longa de 1982 se passa depois que o cristal da verdade se parte e os seres se dividem em duas raças, os pacíficos Místicos e os agressivos Skeksis, que passam a usar um “cristal negro” para se reproduzir para sempre. Há também uma proficia que diz que se algum Gelfling manipular o cristal, a paz será restaurada e as duas raças se reunirão numa só e é por isso que os Skeksis caçam todos os Gelflings.

A série se passa anos antes do filme original e acompanha três Gelflings, que descobrem o segredo dos Skeksis e organizam uma rebelião. Rian, Brea e Deet, além de tentar salvar Thra, mostrar e provar que os Skeksis, que são tidos com muito respeito por todos, são na verdade os principais vilões e causadores dos acontecimentos trágicos que vêm no planeta.

Mesmo para aqueles que não tenham tido acesso à produção de 1982, a série traz uma vibe de nostalgia simplesmente por ser uma produção que retorna com personagens animatrônicos e bonecos todos esculpidos e pintados a mão. Além de remeter a uma técnica utilizada há anos, a produção traz também traz vários efeitos especiais que dão à série um ar mais atual. Já o enredo em si, é muito bem escrito contendo muitos nomes bem específicos, acontecimentos chocantes e eletrizantes, além de trazer também alguns alívios cômicos.

Para as vozes dos personagens na edição original, foram escalados vários artistas renomados e já conhecidos pelo público. Helena Bonham-Carter, conhecida por atuar em diversos filmes de Tim Burton e pelo papel de Bellatrix em Harry Potter, dá voz à “All-Maudra”, que é a rainha Gelfling e líder do clã Vapra. Além disso, é mãe de Seladon, Tavra e Brea, uma das personagens que tem mais destaque.

O Louis Leterrier (“O Incrível Hulk” e “Fúria de Titãs”), produz e dirige a série. Jeffrey Addiss, Will Matthews e Javier Grillo-Marxuach lideram a equipe de roteiristas.

Escrita por Otavio Pinheiro

Apenas mais um jornalista apaixonado por cinema e papelarias.

Entrevista | Melim comenta sobre “Gelo” e participação no Rock In Rio

Lançando novo projeto, Fiduma & Jeca liberam primeira música do DVD “Alcooústico 2”