in ,

10 filmes para celebrar o mês do orgulho LGBTQIAPN+ no Telecine

Diversidade e representatividade são pontos essenciais e presentes na luta da comunidade LGBTQIAPN+. Ano após ano, o cinema tem levado para as salas de todo o mundo produções que oferecem uma variedade de histórias e exploram diferentes aspectos das experiências dessas pessoas, proporcionando tanto momentos de reflexão quanto de entretenimento.

Em celebração ao mês do orgulho, selecionamos dez filmes imperdíveis e de diferentes narrativas da cinelist Orgulho LGBTQIAPN+, no Telecine. Prepare a pipoca e mergulhe nestas narrativas envolventes e emocionantes!

“Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” (2014)

“Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” (2014) é um filme brasileiro dirigido por Daniel Ribeiro. Conta a história de Leonardo (Ghilherme Lobo), um adolescente cego que busca independência, e como sua vida muda com a chegada de Gabriel (Fábio Audi). A relação entre eles e a descoberta de novos sentimentos são temas centrais. O elenco principal inclui também Tess Amorim como Giovana, a melhor amiga de Leonardo. A temática aborda amizade, inclusão e o despertar da sexualidade.

“Tomboy” (2011)

“Tomboy” é um filme francês de 2011 dirigido por Céline Sciamma. Estrelado por Zoé Héran, o filme conta a história de uma menina de 10 anos, Laure, que se muda para um novo bairro e decide se apresentar como um menino, adotando o nome Mickäel. A trama aborda questões de identidade de gênero, infância e aceitação. O elenco inclui Malonn Lévana, Jeanne Disson e Sophie Cattani.

“O Segredo de Brokeback Mountain” (2005)

“O Segredo de Brokeback Mountain” (2005) narra a complexa e secreta relação amorosa entre dois cowboys, Ennis Del Mar (Heath Ledger) e Jack Twist (Jake Gyllenhaal), que se inicia no verão de 1963 em Brokeback Mountain, Wyoming. Apesar das pressões sociais e suas vidas familiares separadas, o vínculo entre eles persiste ao longo dos anos, trazendo desafios e tragédias.

Com direção de Ang Lee, o elenco traz ainda Michelle Williams como Alma Beers Del Mar e Anne Hathaway como Lureen Newsome. O filme explora temas de amor, repressão e identidade em um contexto de masculinidade tradicional.

“Mais que Amigos” (2022)

“Mais que Amigos” (título original: “Bros”) é uma comédia romântica de 2022 dirigida por Nicholas Stoller. O filme é estrelado por Billy Eichner e Luke Macfarlane, e explora a vida amorosa de dois homens gays que navegam pelas complexidades dos relacionamentos modernos enquanto trabalham no mesmo ambiente. Eichner também co-escreveu o roteiro, trazendo uma narrativa envolvente e autêntica sobre amor, identidade e a busca pela felicidade em um contexto contemporâneo.

“Vento Seco” (2020)

“Vento Seco” (2020) é um filme brasileiro dirigido por Daniel Nolasco. A história se passa no interior de Goiás e acompanha a vida de Sandro (Leandro Faria Lelo), um trabalhador de uma fábrica de fertilizantes, que vive uma rotina solitária e rotineira até a chegada de um novo colega, Maicon (Rafael Theophilo). O filme explora temas de desejo, sexualidade e repressão em um ambiente árido e conservador.

“Nós Duas” (2019)

“Nós Duas” (2019) é um drama brasileiro dirigido por Filipe Codeço. O filme aborda a história de Maria e Glória, duas mulheres de diferentes origens sociais e culturais que se encontram e desenvolvem uma conexão intensa. Enquanto enfrentam desafios pessoais e sociais, elas descobrem novas perspectivas sobre suas vidas e identidades. O elenco inclui Maria Flor, Clarissa Pinheiro, Emílio Pitta e Daniel Pimentel.

“Depois Daquela Festa” (2019)

Após ver o seu amigo beijando outro homem numa festa, um jovem descobre que ele é gay e tenta lidar com seus próprios preconceitos enquanto apoia o amigo. Com direção de Caio Scot, o elenco conta com Lucas Drummond, Felipe Frazão, Camila Amado e Bruno Guida. “Depois Daquela Festa” aborda a descoberta da sexualidade, aceitação, amizade e preconceitos em um ambiente jovem e contemporâneo.

“Stonewall – Onde O Orgulho Começou” (2015)

“Stonewall – Onde o Orgulho Começou” é um filme dirigido por Roland Emmerich, lançado em 2015. A história foca nos eventos em torno dos motins de Stonewall em 1969, um marco no movimento pelos direitos LGBTQ+. O elenco inclui Jeremy Irvine, Jonathan Rhys Meyers e Ron Perlman. A temática central é a luta pela igualdade e aceitação da comunidade LGBTQ+, destacando a importância da resistência e do ativismo.

“O Baile dos 41” (2020)

“O Baile dos 41” é um filme dirigido por David Pablos, que conta a história real de um escândalo na sociedade mexicana do início do século XX, onde 41 homens foram presos em uma festa privada, metade deles vestidos de mulher. O elenco inclui Alfonso Herrera, Emiliano Zurita, e Mabel Cadena. A temática principal gira em torno da homossexualidade, repressão social e os desafios enfrentados pela comunidade LGBTQ+ na época.

Em Outros Tempos” (2022)

“Em Outros Tempos” (2022) é um drama romântico dirigido por Goran Stolevski. A trama acompanha a história de amor inesperada entre dois jovens, Elias Anton e Thom Green, que se encontram e passam um dia juntos antes de seguirem caminhos diferentes. A temática principal gira em torno da efemeridade das conexões humanas e da intensidade dos sentimentos juvenis. O elenco também inclui Hattie Hook e Grace Graznak.

Escrita por Otavio Pinheiro