in

Capitã Marvel lidera bilheteria em sua estreia

“Capitã Marvel” chegou com tudo! O primeiro filme solo de uma heroína do Marvel Cinematic Universe (MCU), liderou as bilheterias neste fim de semana. De acordo com o site Deadline, o longa protagonizado por Brie Larson arrecadou US$ 455 milhões mundialmente, tornando-se a sexta maior abertura global de todos os tempos, atras do quinto colocado “Star Wars: O Despertar da Força”. A estimativa inicial sugere que o filme conseguirá ao todo US$422 milhões apenas nos EUA.

No Brasil, o longa arrecadou R$51,5 milhões em sua estreia. Foram mais de 2,9 milhões de espectadores e com este resultado os brasileiros se colocaram como o 4º maior mercado internacional do filme, com US$ 13.4M, atrás apenas de China (US$ 89.3M), Coréia do Sul (US$24.1M) e Inglaterra (US$ 16.8M). Nos Estados Unidos, o filme lucrou US$154 milhões no primeiro fim de semana.

O filme conseguiu se tornar a terceira maior abertura de março, nos EUA, de todos os tempos, só perdendo para “A Bela e a Fera” (US$174.7M) e “Batman vs Superman” (US$166M). No mercado americano, pensando nas heroínas de quadrinhos, a marca é importante por bater os US$103 milhões de “Mulher-Maravilha”.

Curiosamente, a platéia do final de semana nos EUA era 55% masculina e 45% feminina. Junto com “Pantera Negra” e “Homem-Formiga e a Vespa”, essa é a menor divisão entre gêneros da Marvel. Como comparação, o público feminino de “Mulher Maravilha” bateu 52%. Outro dado interessante é que 64% do público total tinha 25 anos ou mais, uma idade avançada para um filme do MCU. A nostalgia 90’s atraiu o público mais velho.

Ambientado nos anos 1990, “Capitã Marvel” é uma aventura totalmente nova de um período nunca visto na história do Universo Cinematográfico da Marvel que acompanha a jornada de Carol Danvers, conforme ela se torna uma das personagens mais poderosas do universo. Enquanto uma guerra galáctica entre duas raças alienígenas chega à Terra, Danvers se vê junto a um pequeno grupo de aliados bem no meio da ação.



Escrita por Rayane Moura

23 anos, jornalista em formação e ama aquilo que faz.

Aladdin | Filme ganha trailer inédito que traz prévia das músicas clássicas da animação

Contrastes de opiniões como novos padrões de família e minorias serão destaque no “Programa da Maisa”