Connect with us

Televisão

Disputa judicial pode impedir que a novela “A Força do Querer” seja reprisada pela Rede Globo

Publicado

em

BIBI PERIGOSA PROCESSO GLOBO

Fabiana Escobar, que serviu de inspiração para a novela “A Força do Querer”, exibida pela Rede Globo em 2017, acionou o Tribunal de Justiça do Rio para impedir que a produção seja reprisada pela emissora. Fabiana alega não ter recebido o dinheiro referente à venda da novela para outros países, como prescrito em contrato.

Os advogados de Escobar fizeram um novo pedido à 43ª Vara Cívil do Rio de Janeiro e alegaram “descumprimento contratual denunciado nos autos deste processo, bem como por entender que a sua efetiva reprise afeta sensivelmente os interesse comerciais e autorais já vilipendiados pela emissora ré em relação a demandante”.

Em 2018, Bibi Perigosa, como é conhecida, entrou com um processo contra a TV Globo e pediu R$ 500 mil, e até hoje não chegaram em um acordo. “Eu passei 2017 à míngua, na hora que eu deveria estar bem amparada. Eu quero cada moeda, cada centavo que for do meu direito. Não adianta me dar parte, dar pedacinho, ficar pagando aos poucos. Eu quero que tudo que é de meu direito”, desabafa Fabiana.

A novela foi anunciada na última sexta-feira (17) pela emissora como a nova reprise da programação. Protagonizada por Juliana Paes e Rodrigo Lombardi, a novela trata de assuntos como identidade de gênero, o tráfico de drogas, vício em jogo e os limites éticos e morais que permeiam as escolhas.

Escobar é produtora cinematográfica na agência Rocywood e está trabalhando na direção de um longa de terror chamado “Vale dos Espíritos”. Atualmente, a moradora da Rocinha também revelou que está escrevendo o livro “Perigosa 2”, onde reúne relatos da vida após a exibição da novela na TV Globo. “Eu acho que não vou publicar, vou botar no blog. No máximo um e-book. Não quero nem vender, vou deixar aberto. Estou de saco cheio com editora enrolando, Rede Globo enrolando, todo mundo enrolando e eu que sou a bandida”, finaliza.

Trending