Connect with us

Notícias

Dulce Maria lança “Amigos Con Derechos” e fala sobre colaboração com Anitta

Publicado

em

A cantora e atriz Dulce María divulgou nesta sexta-feira (09) o single “Amigos Con Derechos“, que já está disponível em todas as plataformas digitais. A canção é a última a ser revelada antes do lançamento oficial do tão aguardado disco “Origen”, que chega entre agosto ou setembro.

“Amigos Con Derechos” foi composta há oito anos e fala de quando se está disposto a viver algo a mais em um relacionamento e a outra pessoa não está na mesma vibe ou pelo menos não parece tanto. “É uma música que escrevi há muito tempo, que fala sobre um assunto que todos nós vivemos, homens e mulheres. De repente você está disposta a viver algo mais em um relacionamento e a outra pessoa só quer às vezes sim e às vezes não, dá falsos sinais e depois volta atrás. São amigos com direitos, mas sem direito de amar e de estarem realmente juntos. É uma música que gosto muito, tem um ritmo diferente que também adoro. Escrevi há bastante tempo com Marcela de la Garza, uma excelente compositora que admiro muito.”, disse a artista.

Na última quinta-feira, 9 de julho, Dulce Maria conversou com a imprensa reuniu a imprensa para falar mais sobre o single, a participação na série “Falsa Identidad”, maternidade

Falsa Identidad e projetos futuros na atuação

A atuação é outra das grandes paixões de Dulce e, recentemente, a artista integrou o elenco da série “Falsa Identidad”, da Netflix. Para viver a personagem Victoria, Maria precisou do auxilio de coach e fez aulas de tiro. “Fiz um treinamento com armas para aprender a disparar e manusear uma pistola. Além disso, tive experiências de ensaios e leituras com coach. Cada personagem tem um trabalho interno para conseguirmos ter certas emoções”, explicou a artista.

A produção tem sido um grande êxito e continua ocupando as posições em alta da Netflix em mais de 10 países. “Estou muito contente com todo o resultado da série na Netflix. Está um sucesso em vários países. É uma série que está muito bem feita, com grandes atores e uma excelente produção”, comentou Dulce sobre o sucesso da série.

“Quero muito continuar atuando, mas agora estou redescobrindo minha vida. Agora nasceu uma nova mulher, nasceu a Dulce mãe. Tenho que me reacomodar, reiniciar minha vida e minha carreira. Não sei muito bem como vai ser, mas quero sim continuar fazendo projetos”, concluiu.

Maternidade

Apesar de neste momento estar focada na maternidade e na música, Dulce diz que quer seguir com sua carreira de atriz. “Estou me redescobrindo. Uma nova mulher nasceu agora que sou mãe. Tenho que reorganizar e reiniciar minha vida, não sei muito bem como vai ser, mas adoraria continuar atuando e fazendo projetos”, revelou.

Casada com Paco Álvarez, Dulce deu à luz a Maria Paula há sete meses e comentou com jornalistas que não pretende influenciar a filha para seguir carreira artística. “Eu gostaria que Maria Paula fosse feliz, livre com suas próprias decisões. Estarei aqui para apoiá-la. Não gostaria de influenciar, quero que ela seja feliz”, disse. “Ser mãe e o pós-parto são bastante cansativos, descobrir tudo é bonito, é um milagre. Você já ama, mas ela está conhecendo e se adaptando ao mundo. Estou encontrando meu espaço dentro da maternidade, não há tempo de tomar banho às vezes, mas é muito bonito”, completou sobre a mudança de rotina.

Origen

O disco “Origen” chega após 10 anos do lançamento do “Extranjera”, primeiro álbum solo de Dulce. Durante conversa com a imprensa, a cantora reflete sobre o processo de amadurecimento nos últimos anos e como define o novo projeto.

“Bem, Extranjera foi o início de um sonho. De alçar voo solo. De me conhecer, de explorar. Me sentia como o título do álbum, uma estrangeira. Um pouco perdida emocionalmente. Agora com Origen sou o contrário. Resgatei minha essência no mais puro, no mais simples. Tenho minha família, meu marido, minha filha. Não mais me sinto estrangeira para nada. Sinto que muitas peças que não encontrava agora estão no seu devido lugar. Mas elas se movem. Sempre estamos em processo de aprendizagem. Origem é resgatar minha identidade e não me sentir mais perdida.”, disse.

Guerreiros, colaboração com Anitta e amor pelo Brasil

Para ficar mais próxima dos fãs, Dulce criou um grupo no Telegram e, assim, pode ter um contato maior com todos eles. “Nas redes sociais eu posso compartilhar meu trabalho, momentos da minha vida como fotos e várias coisas promocionais. O motivo de criar o Telegram foi para me comunicar com os fãs. Poder enviar e trocar mensagens com eles diariamente”, disse.

Durante a coletiva, Dulce Maria aproveitou para demonstrar amor pelo Brasil e expressou a vontade de realizar uma colaboração com Anitta. “Eu amo o Brasil e tenho uma admiração muito grande pela Anitta. Ela tem conquistado êxitos muito grandes. Tive a oportunidade de estar com ela umas duas vezes e nos demos muito bem. Ainda não tivemos a oportunidade de fazer algo juntas, mas eu adoraria gravar com ela e com muitos outros artistas brasileiros que me encantam”, disse.

“Sinto falta da energia única do Brasil. Tanta gente apaixonada. Seu amor, entusiasmo e sensibilidade. Sempre quando estou no Brasil estou descobrindo algo novo, uma nova música, um novo ritmo. Também sinto falta das paisagens e da comida, risos. Açaí, pão de queijo, picanha, guaraná”, brinca.

“Eu tenho saudade dos meus fãs, meus guerreiros! Amo eles! Sinto muita falta de tudo. Tenho saudades da comida, do pão de queijo, do guaraná, do açaí, que tem aqui no México, mas não é igual. A picanha, sinto falta de tudo, do café, das paisagens, mas principalmente da energia única que o Brasil tem, as pessoas tão apaixonadas e a magia de estar num palco com todos vocês. Ah, e descobrir músicas novas porque sempre descubro alguma música legal que fica gravada comigo aqui no México, eu gosto muito disso”, encerrou Dulce.

Gostou desta notícia? Acompanhe a Poltrona Vip no Twitter e Instagram para muitas outras novidades. Além disso, também estamos no Facebook. Curta nossa página para não perder nada! 

Trending