in

Felicity Huffman e Lori Loughlin são acusadas de compra de vaga em universidade

Essa notícia cairia como uma bomba em Wisteria Lane, rua fictícia onde se passava “Desperate Housewives”, série que foi ao ar entre 2004 e 2012. Felicity Huffman, atriz do seriado, e Lori Loughlin, de “Três é Demais”, serão investigadas sob acusação de pagamento de propina para que seus filhos fossem aprovados na faculdade. Segundo o TMZ, Huffman chegou a ser presa.

Os filhos dos suspeitos eram matriculados como atletas recrutados sem que, de fato, praticassem tais esportes. Lori teria pago US$ 500 mil a Universidade do Sul da Califórnia para que as filhas fossem aprovadas como parte da equipe de futebol americano, mas as duas nunca fizeram parte do grupo. Já Felicity, teria pago uma propina de US$ 15 mil para ingressar a filha mais velha em uma faculdade.

Além das estrelas, outras 48 pessoas foram capturadas.  Documentos mostram que os acusados podem ter pago subornos que chegavam a até US$ 6 milhões por vagas em universidades como Yale e Stanford.

A expectativa é que Felicity seja liberada após assinar um documento em que se compromete em colaborar com o andamento das investigações. Até o fechamento da matéria, representantes de ambas as artistas não haviam se pronunciado.

Felicity Huffman ficou conhecida por interpretar Lynette Scavo na série “Desperate Housewives” e venceu um Emmy pela personagem. Em 2006, concorreu ao Oscar graças ao papel no filme “Transamerica”. Lori Loughlin é lembrada pela Becky, do icônico seriado “Três é Demais”. Desde 2016, estrela a releitura “Fuller House”, exibida pelo Netflix.

Hit de Kevin o Chris “Ela É Do Tipo” é tema da nova campanha do Spotify

Aladdin | Filme ganha trailer inédito que traz prévia das músicas clássicas da animação