Connect with us

Famosos

Gustavo Rocha e Matheus Mazzafera são acusados de discurso racista por internautas

Publicado

em

GUSTAVO ROCHA MATHEUS MAZZAFERA

Gustavo Rocha e Matheus Mazzafera viraram um dos assuntos mais comentados nesta segunda-feira (16) após o vídeo de uma conversa entre os influencers viralizar no Twitter. Os comentários dos artistas sobre os tipos de homens que mais os atraem não foram bem aceitos pelos internautas, que os acusam de racismo e sexualização de homens pretos.

Na conversa, Gustavo usa o termo “maloka”, que deriva do termo “maloqueiro”. “Quanto mais estragado for, melhor. Para namorar não, mas eu sinto atração pelos ‘malokas’”, disse. “Eu sempre gosto dos tatuados, mas meu ex-namorado é loiro e branquinho”, completa Mazzafera. “Para namorar não. Não é meu estilo.”, finalizou.

Confira o vídeo na íntegra:

O vídeo logo ganhou as redes sociais e os internautas comentaram sobre o racismo entre o diálogo personalidades. “Gustavo Rocha sendo racista… fetichizando homens não-brancos e falando que não serviria pra namorar pessoas não-brancas, além de utilizar a palavra “estragado” pra se referir a essas pessoas.”, disse um internauta.

Além disso, outro usuário também chamou atenção para algo que é recorrente na comunidade LGBTQIA+. “Gustavo Rocha representa muito a comunidade gay. Muitos ficariam/ficam com homens fora do padrão, mas pra namorar e apresentar para a família e amigos só serve se for cis, sem deficiência, branco e heteronormativo.”, comentou.

Gustavo Rocha se pronunciou sobre o caso e comentou que abomina o racismo e que não foi a intenção. De acordo com Rocha, “maloka” para ele não é relacionado a cor de pele, mas sim de alguém que gosta de noitada. “Eu quero esclarecer sobre a interpretação que algumas pessoas tiraram da minha fala no vídeo. Pra mim, “maloka’ não está relacionado a cor da pele de alguém e sim de quem gosta de ‘zoeira’ na noitada, ou como um ‘estilo de vida’.”, começou.

“Eu abomino qualquer tipo de racismo e meus seguidores sabem disto. Acusar uma pessoa de racismo é sério e é crime. Mas como eu estou neste mundo para compartilhar amor, não me incomodo nem um pouco de pedir perdão a quem ficou magoado – minha intenção jamais foi essa.”, continuou.

“Mas entendi que não é sobre o que EU PENSO, ou o que EU ACHO. Não sou eu que sofro com isso e não é meu local de fala. Me desculpem pelo erro e pela fala infeliz. Nunca foi essa a minha intenção. Perdão.”, finalizou.

Já Matheus Mazzafera também usou as redes sociais para pedir desculpas aos internautas. “Gostaria de pedir desculpas! Me expressei mal. Quis dizer que eu acho mais bonito homem com tatuagem, eu por exemplo estou fazendo varias. E meu ex namorado não tinha nenhuma tatuagem. Eu dizer isso. Me desculpa por expressar mal”, escreveu.

Trending