in

“Portals”: Melanie Martinez lança tão aguardado terceiro disco da carreira; ouça!

Melanie Martinez lançou na madrugada desta sexta-feira (31) o tão aguardado disco “Portals”, o terceiro da carreira. O projeto está disponível em todas as plataformas digitais e conta com 13 faixas, incluindo “DEATH” e “VOID”, que já haviam sido apresentadas ao público anteriormente. 

“Depois de mergulhar em vários livros de hipnoterapia e regressão a vidas passadas ao longo de alguns anos, fui inspirada a criar um álbum conceitual que gira em torno de um dos assuntos mais tabus conhecidos pelo homem, a morte. A missão deste disco é oferecer uma perspectiva de verdadeira união e imortalidade. O álbum começa na morte e termina no útero, mas faz um loop em si mesmo para ser tocado como um loop eterno. Da mesma forma que nossas vidas estão em loop. Morrer como uma pessoa velha para nascer de novo. Encontrando os mesmos rostos e padrões familiares para nosso maior crescimento. Crybaby, como você a conhece, pode ter morrido, mas ela evoluiu para sua forma mais nova. Você vai ajudá-la a completar este ciclo?”, comentou Melanie Martinez em comunicado enviado à imprensa.

Ouça o “Portals”:

Para celebrar a estreia, Martinez foi às redes sociais para falar um pouco sobre o disco e refletiu sobre como deseja que o projeto chegue às pessoas. “Espero que o peso da mortalidade que a sociedade colocou sobre as pessoas se torne mais leve. Espero que o luto se torne mais fácil para as pessoas enquanto ouvem este disco.”, começou.

“Que eles possam aproveitar esta vida ao máximo sabendo que estamos todos aqui apenas para crescer, criar, sentir e compartilhar experiências uns com os outros para ajudar uns aos outros a evoluir.”, finalizou a artista, que foi uma das atrações do Lollapalooza Brasil neste mês.

“PORTALS” marca o primeiro lançamento completo da cantora, compositora e cineasta nova-iorquina, de 27 anos, em quase quatro anos, após a estreia segundo projeto, “K-12”, em 2019. O projeto entrou na lista  Billboard 200 em #3 – a colocação mais alta de Martinez nas paradas até agora – com mais estreias em #1 na parada de álbuns alternativos e #1 no ranking de álbuns de trilha sonora.

Escrita por Otavio Pinheiro