in

“Rare” | Selena Gomez lança novo álbum de estúdio; ouça!

Após quase cinco anos do último álbum de estúdio, Selena Gomez lançou nesta sexta (10) o terceiro disco da carreira, o “Rare”. O projeto, que marca o retorno da artista à música, conta com 13 faixas e as participações especiais de 6LACK e Kid Cudi.

Do projeto, a artista já havia lançado anteriormente as canções “Lose You To Love Me” e “Look At Her Now”, que já possuem videoclipes e colecionam mais de 300 milhões de visualizações no Youtube. Além disso, a cantora já realizou a primeira performance ao vivo desde que começou os trabalhos do novo álbum. Assista:

Junto com o lançamento do projeto, a cantora anunciou que mais um clipe seria divulgado nesta sexta. Dirigido por BRTHR e cheio de efeitos especiais, o videoclipe da faixa título tem estreia marcada para às 14h no canal oficial no Youtube da artista.

O “Rare”, que está disponível em todas as plataformas digitais, é o primeiro projeto de estúdio após um longo período de dificuldades pessoais e afastamento da mídia. O álbum mais recente até então foi o “Revival”, lançado em 2015 e que trouxe faixas como “Good For You”, “Kill ‘Em With Kindness” e “Same Old Love”.

Afastamento da mídia e cuidados com a saúde

A trajetória de Selena Gomez nos últimos anos não têm sido fácil. Longe da mídia desde 2016, o primeiro afastamento da cantora ocorreu após o lançamento do “Revival” (2015), que contou com uma série de clipes, apresentações e uma turnê. No mesmo ano em que o disco foi lançado, a dona de “Same Old Love” anunciou que é portadora de lúpus. Mais tarde, descobriu também que ansiedade, ataques de pânico e depressão poderiam ser alguns efeitos desencadeados pela doença autoimune.

Foi aí que a artista precisou dar uma pausa na carreira e nos trabalhos do projeto para cuidar de alguns problemas de saúde. “Quero ser proativa e focar em manter a minha saúde e felicidade e decidi que a melhor maneira é tirar um tempo para mim. Agradeço todos os meus fãs pelo apoio. Vocês sabem o quanto são especiais para mim, mas preciso encarar isso para assegurar que fiz o possível para estar o meu melhor”disse à revista americana People.

Depois disso, em 2017, ano em que lançou canções “Bad Liar” e “Fetish”, Gomez sentiu a necessidade de se afastar de vez das redes sociais após comentários maldosos dos internautas com a relação ao seu estado físico, além de acusações de que teria colocado próteses de silicone e até a comparavam com Hailey Baldwin, a atual esposa de Justin Bieber.

No mesmo ano, Selena também se submeteu a um transplante renal a que a cantora teve que se submeter no tratamento contra o lúpus. A doadora foi a amiga pessoal da artista, a também atriz Francia Raisa, que mais tarde revelou que Selena quase morreu durante devido a cirurgia. “Selena teve uma complicação também. Algumas horas depois da nossa cirurgia, eu acordei e tinha uma mensagem dela dizendo ‘Eu estou com muito medo’. Meu rim era muito ativo e, quando ela se virou, rompeu uma artéria”, contou Francia em entrevista ao W.

Passado todo esse período conturbado, Selena começou a dar os primeiros passos para estar de volta à mídia, mas de uma forma mais lenta e sutil. Sem trabalhar em canções próprias desde o primeiro afastamento, a cantora lançou a faixa “I Can’t Get Enough” ao lado de benny blanco, Tainy e J Balvin, além da canção original para a série da qual é produtora executiva “13 Reasons Why”, a faixa “Back To You”.

“Segue o Baile” | Rennan da Penha realiza gravação de DVD este mês

CarnaVip 2020 | Bloco da Favorita acontece neste domingo em Copacabana