Connect with us

CCXP

Alice Braga e Gabriel Leone contam mais detalhes do filme “Eduardo e Mônica” durante a CCXP Worlds

Publicado

em

EDUARDO E MONICA FILME

O longa brasileiro “Eduardo e Mônica” ganhou um painel especial no segundo dia de CCXP Worlds, que aconteceu no último sábado (05). Os atores Alice Braga e Gabriel Leone se juntaram ao diretor René Sampaio para falar mais do filme inspirado na música de mesmo nome da Legião Urbana.

Braga interpreta Mônica e conta que sempre acompanhou a Legião Urbana, além de ser muito fã do trabalho de Renato Russo como poeta e escritor. “Tenho uma relação muito linda com a música Eduardo e Mônica, muito afetuosa. Eu era muito nova quando ouvi pela primeira vez e quem me colocou pra ouvir foi o Jorge Furtado, um grande diretor e roteirista. Então já tenho um carinho por causa disso. Sempre acompanhei as músicas da Legião porque sou muito fã do Renato como poeta e escritor”, explica a atriz, que conta que descobriu mais sobre Legião no processo de construção do projeto.

“Desde muito novo eu escuto Legião Urbana, sou muito fã. Eu digo que o Renato Russo é um dos meus poetas favoritos, além da banda inteira. Então pra mim foi muito especial poder dar vida a um personagem que saiu da cabeça, da alma do Renato”, conta Leone, que conheceu a Legião por influência dos pais.

Leone ainda revelou as dificuldades de interpretar Eduardo: “Eu estava vindo de uma série em que eu tinha malhado, estava careca. Precisei fazer dieta para perder músculo, colocar aparelho nos dentes, usar megahair. Foi um trabalho árduo, mas minha parceria com a Alice e o René foi fundamental para construirmos essa história juntos”, disse.

“Eduardo e Mônica” é uma das músicas mais conhecidas da banda e conta uma história de um casal que são completamente diferentes, mas se atraem de alguma forma. Alice conta que esse é um dos pontos mais importantes do filme. “Tentamos muito fazer essa relação ser verdadeira, neste lugar de como um complementa o outro. De como a diferença entre eles é o que os potencializa, e não ser a ruptura entre eles. Acho que atualmente isso é muito importante. O filme vai ser lançado em um momento em que as pessoas estão precisando de um encontro assim”, disse.

“Uma coisa que eu estou louca que as pessoas vejam, foi a leveza desse personagem, desse amor, dessa união desse casal. Gab e eu percebemos que estávamos fazendo quase o mesmo personagem, porque ela não existe sem ele e ele não existe sem ela. Então ficamos muito conectados para poder fazer esse amor ser verdadeiro”, completa a atriz.

“Eduardo e Mônica” estava previsto para ser lançado neste ano, mas teve que ser adiado por conta da pandemia do coronavírus. O diretor René Sampaio afirmou que a produção recebeu dezenas de propostas para estrear no streaming diretamente, mas preferiu esperar o momento passar e lançar nos cinemas.

“Primeiro: fizemos o filme pensando em ir para o cinema, então queremos lançar no cinema. Mas principalmente porque é um filme-evento, pra você levar a família, para celebrar em conjunto, para ter uma catarse coletiva e feito para a tela grande. Acho que o filme merece a chance e o público merece a chance de ver o filme na tela grande”, encerra.

Trending