Connect with us

Entrevistas

Entrevista | Após lançar terceira parte de sequência de EPs, Lary comenta sobre “Sessão da Tarde” e relação com fãs

Publicado

em

LARY SESSÃO DA TARDE ENTREVISTA

Lary lançou na última semana o single “Sessão da Tarde”, que encerrou a lista de músicas do EP “Quase Lá”, o terceiro da sequência iniciada em 2019. A canção reforça a sonoridade Pop, R&B e traz algumas referências do Rap, além de contar com a parceria com o trio de produtores da Hitmaker.

“Sessão da Tarde é uma composição minha junto com a Pri Lemgruber, Pedro Breder, Wallace Viana e Andre Vieira. Começamos a escrever no estúdio, do zero, em cima de um instrumental da internet, e fluiu bem rápido. Queríamos falar sobre um romance que é bom mas que não dá muito certo, onde sempre que acontece um encontro, a pessoa fica desestabilizada e mexida. Sabe quando o sentimento ta ali grudado, e de repente volta tudo à tona? Bate aquela nostalgia, tipo quando a gente vê um filme da sessão da tarde.. hehe! Acho que muitas pessoas vivem esse tipo de história e acabam se identificando, né?”, conta.

“Sessão da Tarde” chegou acompanhada de um videoclipe, que já conta com mais de 200 mil visualizações no YouTube. A artista, que gosta muito do processo de criar o conceito do clipe, conta que o vídeo continua a história iniciada em “Playlist Transante”, o single anterior da artista que traz com a parceria de Choice.

“É muito legal poder escolher a maneira como vamos passar o conceito visual da música. Dessa vez, optamos por algo bem simples, que mostrasse mesmo uma tarde comum, no dia seguinte de um encontro que mexeu com meu psicológico, onde fico revivendo, a cada passo, a noite anterior. Ali a ideia foi fazer o clipe como uma continuação de Playlist Transante, que lancei anteriormente. Gravamos os dois no mesmo dia e no mesmo lugar e foi muito divertido!”, explica a artista.

Antes do “Quase Lá”, a artista lançou o “Um Quarto” e “Metade”, que trouxeram parcerias com artistas como 3030 e Gustavo Mioto. Para cada lançamento, Lary prepara maneiras de promover as faixas e os principais envolvidos no processo são os próprios fãs, que são super ativos e têm uma relação muito presente com a cantora. A artista reconhece a importância que tem na vida dos fãs e das mensagens que transmite.

“Eu tenho fãs muito maravilhosos, que me acompanham em tudo e estão super ligados o tempo inteiro em tudo o que posto. Procuro ter a relação mais próxima possível com eles. É muito gostosa e divertida essa troca. Muito bom saber que tem pessoas ali que realmente torcem pelo meu sucesso, que vibram junto. Tenho a consciência de que é uma responsabilidade cada mensagem, cada trabalho, cada posicionamento meu… Então, é preciso também ter muito cuidado com tudo, pois assim como me inspiro em muitas pessoas, há pessoas se inspirando em mim.”.

Desde que iniciou o cronograma de lançamentos, que trouxe faixas como “Montanha Russa”, “Mal Resolvido”, “Mapa Astral” e “Aborta Missão”, a cantora vem divulgando músicas mais voltadas para o gênero R&B, mas ainda com uma pegada Pop. Para Lary, é difícil se limitar a um único gênero, uma vez que gosta da liberdade de misturar estilos.

“Do “Um Quarto” pra cá, me identifico cada vez mais com o R&B. É o que ouço, o que escrevo e o que curto cantar. Mas também me considero uma cantora pop. Acho muito difícil se limitar a um gênero específico. Eu gosto de fazer música, e gosto quando ela me toca de alguma forma. Pra mim é esse o indicador, sabe? O Brasil é um país de muitas misturas, e isso se reflete na música também, nessa liberdade de poder passear em diferentes estilos!”, conta.

O “Quase Lá” é o penúltimo EP de da sequencia de quatro lançamentos de Lary, que unidos irão formar o primeiro álbum de estreia da artista. “Sensação de dever sendo cumprido. Colocar em prática um projeto assim, que leva tempo, é algo desafiador, tanto pra mim quanto pra minha equipe. Quebramos a cabeça muitas vezes pra pensar em formas diferentes de lançamento, em ações promocionais… Tenho aprendido muito com esse projeto. Foi uma fase muito especial na minha carreira onde me conheci mais e me encontrei musicalmente”.

“A última parte já está tomando forma! Quero fechar esse projeto com muito cuidado pois foi muito especial pra mim.”, conta Lary, que continua dizendo que têm se encontrado com uma galera para compor. “É um dos processos que mais curto no trabalho. Além desse projeto, tem alguns sons que participei que também vão ser lançados em breve, e estou muito animada e ansiosa pra poder mostrar tudo pra vocês! O que posso revelar agora é que tem muita música boa a caminho pros próximos meses!”, conta.

Trending