Connect with us

Música

“star-crossed”: Kacey Musgraves lança disco inspirado no próprio divórcio; ouça!

Publicado

em

Kacey Musgraves lançou nesta sexta-feira (10) o tão aguardado “star-crossed”, o quinto disco da carreira. Inspirado no divórcio da artista com Ruston Kelly, que aconteceu em 2020, o projeto conta com 15 faixas e já está disponível em todas as plataformas digitais.

Gravado em Nashville, no Tennessee, em pouco menos de três semanas, o “star-crossed” é descrito como uma “uma tragédia moderna em três atos, contando uma jornada extremamente pessoal de mágoa e cura” e explica o porquê de Kacey ser considerada uma das melhores compositoras da atualidade. “Eu fiz o meu melhor para homenagear o amor que foi compartilhado, mas também tive que me honrar como uma escritora que experimentou uma gama muito ampla de emoções difíceis”, diz a artista.

+ Kacey Musgraves é anunciada como performer no VMAs 2021

“Tudo sobre a gravação de ‘star-crossed’ foi assustadoramente sincrônico e fortuito. A musa estava me entregando quase tão rápido quanto eu conseguia acompanhar. E tão rapidamente quanto as coisas pareciam desmoronar para mim pessoalmente, todas essas outras coisas começaram a culminar de uma maneira que eu nunca tinha experimentado antes. Um fluxo de energia tão poderoso que sei que não vem de mim, mas através de mim. Este capítulo foi um desafio e uma emoção. Uma espada e um presente. Uma porra de uma queda e uma subida.”, comentou sobre a produção do disco, no Instagram.

Ouça o “star-crossed”:

star-crossed: o filme“: audiovisual recheado de grandes estrelas

O projeto chegou acompanhado do “star-crossed: o filme”, um projeto audiovisual dirigido por Bardia Zeinali e estrelado pela própria Kacey disponibilizado no Paramount+. “Queríamos que fosse cinematográfico e épico, sem comprometer o coração e a emoção, que fosse fantástico e intenso para contar sua história através das lentes da arte e da moda”, diz Zeinali.

Com aproximadamente 50 minutos de duração, a obra filmada pelo diretor de fotografia indicado ao Oscar Matthew Libatique leva a música do estúdio para as telas, trazendo visuais deslumbrantes e um senso de realidade elevada, imaginado por Kacey e Zeinali, diretor do filme, que foi gravado em apenas 10 dias, em Los Angeles.

A obra traz participações especiais do vencedor do Emmy Eugene Levy, Victoria Pedretti, a cantora e compositora Princess Nokia, a vencedora do reality RuPaul’s Drag Race Symone e a comediante Megan Stalter“Gravar essas músicas parecia uma trilha sonora de filme. Um filme onde eu era o narrador ou espectador olhando outra pessoa dentro de uma grande tragédia.”, disse Kacey, no Instagram.

E aí, gostou desta notícia? Acompanhe outros conteúdos exclusivos no Twitter e Instagram! Além disso, a Poltrona Vip também está no Facebook. Curta nossa página para não perder nada!  

Para informar qualquer erro ou falar com a gente por outro motivo, mande email para [email protected]. Agora, se quiser fazer parte da nossa equipe de colaboradores, clique aqui.

Trending