Connect with us

Música

Audax lança “Castles” em parceria com Niles Mason

Publicado

em

AUDAX castles

O trio Audax lançou na última sexta-feira (25) o single “Castles”, pela gravadora do holandes-filipino Laidback Luke, a MIXMASH Deep. A canção está disponível em todas as plataformas digitais e conta com os vocais de Niles Mason, responsável por parcerias com David Guetta, Afrojack, MOGUAI, entre outros renomados artistas,

“Niles Mason e Curtis Richardson mandaram um acústico para nós em 2018, com a voz e melodia e, desde o começo, isso nos agradou muito. Para nós, ela tem algo que desperta uma emoção incomparável. Queríamos fazer algo épico, que tocasse o coração e ao mesmo tempo pudesse despertar a energia na pista de dança. Há 2 anos tentamos diversas vezes, mas finalmente encontramos a fórmula perfeita e estamos muito felizes com o resultado”, explica Pedro.

“De cara nós gostamos muito da letra e da melodia, e poder trabalhar com Niles é algo surpreendente. Ele dispensa comentários, principalmente pelos trabalhos que já fez na indústria. Ao mesmo tempo, mesmo nesse estilo do House, quisemos criar algo bem único, com um drop mais épico… e não foi fácil. Se você compara essa final com a primeira versão, fica muito nítido o desenvolvimento artístico, e isso, acima de tudo, nos deixou extremamente satisfeitos. Acreditamos que ela demorou tanto para ficar pronta, pois havia muita responsabilidade. Trabalhar com profissionais tão graduados, verdadeiros titãs da música mundial era algo especial. A track tinha que ficar demais e atemporal. Acredito que conseguimos e esperamos que os fãs curtam”, adiciona João.

Seguido dos lançamentos de “Hit Me Up”, que traz uma pegada da House Music com o impetuoso vocal de Francine Môh, e “Keep The House Alive” lançada pela Tiger Records, os irmãos Audax mostram que sua sonoridade não para de evoluir. “Para nós, esse é de fato um lançamento que destaca bem a nossa evolução sonora. Encontramos um som que transmite nossa identidade. Queríamos abrir espaço para algo mais melódico e emocional, e conseguimos unir o útil ao agradável”, conta o André.

O potente e bem construído drop mostra toda a sonoridade que o trio quis emplacar nessa produção, com elementos dançantes de uma verdadeira “powertrack” e uma pegada bem “audaxciosa”. Os irmãos usaram synths próprios para poder dar uma sonoridade mais orgânica, sem o uso de muitos plug-ins.

Trending