in ,

Elyfer Torres, protagonista de “Betty em New York”, comenta sobre novela e receptividade no Brasil

Foto: Otavio Pinheiro/Poltrona Vip

Elyfer Torres, protagonista da série “Betty em New York”, esteve no Brasil na última semana para promover a novela que é sucesso não só no SBT, mas na Netflix e no mundo. A produção é baseada no clássico latino escrito por Fernando Gaitán e que desde 1999 ganha adaptações ao redor do mundo. No Brasil, a história inspirou a novela “Bela, a Feia” (2010) protagonizada pela atriz Giselle Itié.

“Betty em New York” traz Torres interpretando Beatriz Rincón, uma jovem fora dos padrões de beleza e um tanto desajeitada, que tem que passar pelos desafios de trabalhar em uma empresa de moda. Betty lida também com a descoberta de um amor proibido por Armando, personagem interpretado por Erick Elías.

Durante o processo de escolha da atriz que viveria a personagem, Elyfer diz que participou de um processo de cinco fases, que contou com leitura de texto, improvisação e etapas físicas. Uma das grandes dificuldades da atriz seria desapegar dos cachos, mas ficou feliz que a produção preferiu que ela usasse o cabelo natural.

“Eu havia feito todas as audições sem cachos. E quando eu fui na minha primeira leitura eu fui assim e eles disseram ‘Não, espera! Você fez cachos no seu cabelo?’ e eu ‘Não, não, este é meu cabelo natural’. Voltamos a fazer provas com os cachos. O que para mim foi super feliz porque da maneira que seria eu teria que alisar e no final acabou que fizemos assim. E para a transformação, também quiseram este.”, contou.

Já a preparação para a personagem começou dois meses antes do início das gravações quando a atriz recebeu o telefonema dizendo que viveria Betty. Elyfer contou que ficou nervosa em viver uma personagem que já foi vivida por outras grandes atrizes, mas que ao mesmo tempo era algo que quis a vida inteira, então se dedicou ao máximo.

Para compor a personagem, a atriz contou que começou a anotar as características de Betty, fazer vários questionamentos, como “qual foi o primeiro amor de beth?”, “pq ela tem medo das coisas?”, “qual foi a coisa mais séria que passou com ela?”, e criar algo do zero. Além disso, a atriz precisou comer bastante para engordar, parar de usar produtos no cabelo e deixar de fazer depilação. Inclusive, a Betty ensinou muito para Elyfer no sentido de empoderamento.

“Descobri que muitas coisas que eu fazia eram consequência de que muitas mulheres faziam. Como me depilar. Eu antes me depilava inteira porque eu “tinha” que fazer, porque todo mundo faz e eu também vou fazer. Mas, não… Vou deixar e eu deixei. São muitas coisas que eu fui descobrindo com a Betty e que gosto”, conta.

As gravações da novela aconteceram em grandes pontos turísticos de New York, como a Times Square, Grand Central Station, Brooklyn Bridge, além das cenas em Miami. A atriz conta que viver a personagem foi como sonho se tornando realidade. “Foi um sonho que estava se tornando realidade. Ser protagonista a primeira vez de um projeto muito grande. Eu ficava todo o tempo muito admirada com tudo o que eu via.”, a artista completa dizendo que aprendeu o significado da palavra “gratidão” com a experiência.

Abraçada pelo público brasileiro, a atriz conta que não sabia que a produção era um sucesso tão grande no país e que só descobriu quando fãs brasileiros interagiram com ela nas redes sociais. “Eu não tinha ideia de que aqui que aqui no Brasil seria um sucesso e de repente eu comecei a receber muitas mensagens de fãs brasileiros”, disse Elyfer.

A atriz listou, quando questionada, as coisas que amou no Brasil. Na música, Elyfer contou que conhece Anitta, por que a artista fez diversos trabalhos com nomes latinos que Torres admira, e Karol Conká, que descobriu durante uma pesquisa e amou as letras – e até citou a faixa “É o Poder” como uma das favoritas. Além disso, a jovem também ficou admirada com o amor que o povo brasileiro demonstrou por ela. Segundo a artista, fãs foram encontrá-la no aeroporto, coisa que nunca tinha acontecido.

Além dos trabalhos como atriz, Elyfer Torres também quer seguir a carreira musical. Durante passagem pelo Brasil, Torres também apresentou a faixa “Aquí Esta Mi Amor”, música tema do casal do casal Beatriz e Armando em “Betty em New York”. “Quero começar a seguir a carreira musical, é uma das coisas que me interessam para fazer este ano. Sempre gostei. É uma coisa que eu gosto muito, cantar músicas incríveis. E gosto também da mensagem de empoderamento feminino. Então, eu gostaria que minha música falasse um pouco disso.”, contou.

Dua Lipa

Com ‘Don’t Start Now’, Dua Lipa lidera topo das rádios americanas

Netflix suspende produção da 2ª temporada de The Witcher por causa do COVID-19