in

Faixa a faixa | Lucas Xavier comenta as músicas de “Rare”, novo álbum da Selena Gomez

Lançado 10 de Janeiro de 2020, Selena Gomez começa a nova década trazendo o álbum tão esperando pelos fãs. Durante anos chamado como SG2, por mais que seja o terceiro álbum de estúdio solo da cantora, ele é o segundo álbum lançado pela Interscope Records. “Rare” é um álbum que fala sobre a vida da Selena nos últimos anos e se eu tivesse que defini-lo de algum modo seria “a busca do amor próprio”.

Pensando nisso, nós da Poltrona Vip convidamos o Lucas Xavier para fazer um breve faixa a faixa das 13 canções presentes nesse álbum. Criador de conteúdo para diversas plataformas digitais – como Instagram, YouTube e Spotify -, o Lucas também é grande fã assumido da Selena.

O Lucas falou sobre a sonoridade de “Rare“, um pop, coeso, mas com várias vertentes. O estudante de letras também disse que o CD traz uma produção mais trabalhada, com letras fortes e trazendo uma Selena mais madura. “‘Rare’ é um dos melhores álbuns da Selena. Apesar ter demorado alguns anos, ele vale todo esse tempo. Ele esse se tornou o meu álbum favorito da cantora”, contou o jovem de Pelotas – RS.

O disco brinca um pouco com uma sonoridade que já vimos ela fazendo em outros álbuns, como “Revival”, “Stars Dance” e também o “When The Sun Goes Down” – álbum lançado em 2011, na época que Selena tinha sua banda (the Scene). Confira o faixa a faixa e a conclusão do Lucas.

1. Rare

Começando o álbum com a faixa título, Selena nos fala que não precisamos de ninguém para nos dizer o quão raros somos, e que isso tem que vir de dentro.

2. Dance Again

Uma faixa divertida, dançante com batidas fortes, que lembra antigos trabalhos da cantora. Em sua letra, Selena nos mostra que está de volta, deixando os problemas de lado.

3. Look At Her Now

Foi o single promocional do álbum, lançada um dia após o lançamento do primeiro single “Lose You To Love Me”. Nessa música percebemos que Selena finalmente se sente bem após todo sofrimento de um relacionamento, e que um dia ela vai encontrar o amor, mas que está sem pressa pra isso.

4. Lose You To Love me

Primeiro single do álbum, traz uma Selena mais sensível falando de todos os problemas que ela passou nos últimos anos. Nessa faixa podemos ver o quanto a cantora sofreu em um relacionamento, e que precisou odiar o cara para conseguir se amar.

5. Ring

Na letra ela fala sobre si mesma. A música lembra as clássicas dos anos 80 com uma pegada latina.

6. Vulnerable

Essa faixa foi minha favorita. Ela fala sobre saber que vai ficar vulnerável quando entregar suas emoções e que talvez seu amor se aproveite desse momento vulnerável. O instrumental é uma balada dançante.

7. People You Know

É uma canção que me lembra a soundtrack de um filme. Ela fala sobre quando as pessoas vão embora, ou quando estamos com alguém que não conhecemos mais.

8. Let Me Get Me

Essa musica é sobre a Selena se libertar de um sofrimento e dizendo que não vai se decepcionar. O instrumental é bem trabalhado e traz uma pegada latina que lembra um pouco a “Me & My Girls” do álbum “Revival”.

9. Crowded Room (feat. 6LACK)

Uma faixa sexy no qual Selena traz um vocal que nunca tinha visto em nenhuma música da própria antes. É diferente de tudo, mas continua coeso ao álbum.

10. Kinda Crazy

A música fala sobre um cara obcecado pela Selena, mesmo ela deixando claro que não tem interesse. Uma curiosidade sobre essa faixa é que uma das partes dela já tínhamos ouvido antes, quando Selena foi a primeira pessoa a postar um vídeo de 60s no Instagram.

11. Fun

Uma música diferente e divertida, não é um dos destaques do álbum, mas não deixa de ser interessante com uma letra sobre estar conectada com um garoto.

12. Cute You Off

Um dos pontos altos do álbum. É sobre o fim de um relacionamento tóxico, no qual ela se pergunta como poderia confundir isso com amor.

13. A Sweeter Place

É uma música perfeita pra fechar o álbum. Ela fala sobre quando nos perguntamos o que Selena está fazendo e o motivo dela sumir. Nessa faixa descobrimos que esse tempo dela fora dos holofotes é uma válvula de escape.

Deu para perceber que Selena estava pronta para se abrir nesse álbum, cumprindo tudo o que propôs e fazendo todos se sentirem raros com várias faixas que falam sobre amor próprio. Fico feliz com a volta de batidas dançantes da Selena, e agradeço muito esse hinário chamado “Rare”.

E vocês, o que acharam desse novo álbum da Selena? Para quem se interessou pelo trabalho do Lucas Xavier, acompanhe-o no Instagram: @lukexavier_. Confira também os vídeos produzidos pelo Lucas em seu canal no YouTube.

Silva e Ivete Sangalo lançam clipe para colaboração em “Pra Vida Inteira”

Dua Lipa divulga remixes de “Don’t Start Now”