Connect with us

Letra e Tradução

Letra e Tradução: “The Man with the Axe” – Lorde

Publicado

em

Lorde divulgou nesta sexta-feira (20) o tão aguardado disco “Solar Power”, o terceiro da carreira. Disponível em todas as plataformas digitais, o projeto conta com 12 faixas, incluindo as já lançadas anteriormente “Mood Ring”, “Stoned at the Nail Salon” e a faixa título. 

+ Lorde lança o aguardado “Solar Power” e recebe críticas positivas; confira!

Letra | “The Man with the Axe”, de Lorde

If I had to break it down
I’d say it’s the way you love to dance
Movin’ the furniture when my back is turned
The flick of the lights and the world falls away

And your office job and your silver hair
But our shapes in the dark are the reason I’ve stayed
For all these years

I thought I was a genius, but now I’m twenty-two
And it’s startin’ to feel like all I know how to do is
Put on a suit and take it away

With my fist full of tunes that it’s painful to play
Fingernail worlds like favorite seashells
They fill up my nights and then they float away

I’ve got hundreds of gowns, I’ve got paintings in frames
And a throat that fills with panic every festival day
Dutifully fallin’ apart for the Princess of Norway

But you, with your tall slashes, your infinite t-shirts
I should’ve known when your favorite record was the same as my father’s
You’d take me down

I guess I’ll always be this way
Swallowed up by the words, and halfway to space
But there, by the fire, you offered your hand
And as I took it, I loved you, the boy with the plan

You found me clean as a pine
The man with the axe and the look in his eyes
We’ve been through so many hard times
I’m writin’ a love song for you, baby

Tradução | “O homem com o machado”, de Lorde

Se eu tivesse que quebrar isso
Eu diria que é assim que você adora dançar
Movendo os móveis quando minhas costas estão viradas
O piscar das luzes e o mundo desaparece

E seu trabalho de escritório e seu cabelo prateado
Mas nossas formas no escuro são a razão de eu ter permanecido
Por todos esses anos

Eu pensei que era um gênio, mas agora tenho vinte e dois
E estou começando a sentir que tudo o que sei fazer é
Vista um terno e leve embora

Com meu punho cheio de melodias que dói tocar
Mundos de unhas como as conchas favoritas
Eles enchem minhas noites e depois flutuam

Eu tenho centenas de vestidos, tenho pinturas em molduras
E uma garganta que se enche de pânico a cada dia do festival
Decididamente desmoronando pela Princesa da Noruega

Mas você, com suas barras altas, suas infinitas camisetas
Eu deveria saber quando o seu disco favorito era o mesmo do meu pai
Você me derrubaria

Eu acho que sempre serei assim
Engolido pelas palavras e a meio caminho do espaço
Mas aí, perto do fogo, você ofereceu sua mão
E quando o peguei, amei você, o garoto com o plano

Você me encontrou limpo como um pinheiro
O homem com o machado e o olhar em seus olhos
Nós passamos por tantos tempos difíceis
Estou escrevendo uma canção de amor para você, baby

E aí, gostou desta notícia? Acompanhe outros conteúdos exclusivos no Twitter e Instagram! Além disso, a Poltrona Vip também está no Facebook. Curta nossa página para não perder nada!  

Para informar qualquer erro ou falar com a gente por outro motivo, mande email para [email protected]. Agora, se quiser fazer parte da nossa equipe de colaboradores, clique aqui.

Trending