Connect with us

Música

Luísa Sonza apresenta hits da carreira no Prêmio Multishow e pede justiça por Mariana Ferrer

Publicado

em

LUISA SONZA ZAAC I HATE FLASH MULTISHOW
Foto: I Hate Flash

A cantora Luísa Sonza apresentou na noite da última quarta-feira (11) os grandes hits da carreira no palco da 27ª edição do Prêmio Multishow. A premiação contou com formato adaptado por conta da pandemia do coronavirus e apresentações remotas de diversos artistas de cinco estados brasileiros.

Diretamente do Ibirapuera, em São Paulo, Sonza apresentou os hits “Braba”, “Toma”, com a participação especial de MC Zaac, e “Século 21”. A cantora não deixou de falar um pouco sobre feminismo e pediu justiça a Mariana Ferrer, se tornando uma das performances mais comentadas da noite.

“Quando se trata de nós, culpado e vítima são invertidos. Quando se trata de nós, o tamanho do vestido importa mais que a nossa voz. A gente está pedindo respeito. Vocês não vão mais nos calar. Justiça por Mari e por todas nós”, disse Luísa através de uma gravação.

Em dezembro de 2018, a influencer Mariana Ferrer registrou um boletim de ocorrência de estupro após um evento de uma empresa, em Florianópolis. Em exame pericial feito com o esperma encontrado na roupa da jovem, foi constatado que o material era compatível com o DNA do empresário André de Camargo Aranha, que foi absolvido em setembro pela justiça.

“Segundo o promotor responsável pelo caso, não havia como o empresário saber, durante o ato sexual, que a jovem não estava em condições de consentir a relação, não existindo portanto intenção de estuprar – ou seja, uma espécie de ‘estupro culposo’. O juiz aceitou a argumentação.”, escreveu o Intercept.

Além da sentença, Mariana foi humilhada durante a audiência pelo advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho, que analisou imagens da jovem e afirmou que “jamais teria uma filha” do “nível” de Mariana“. O caso ganhou ainda mais as redes sociais e internautas, que incluem cantores, atores e outras personalidades, repudiaram a sentença e a postura do advogado. Para saber mais sobre o caso, clique aqui.

Trending