in

Coachella poderá ser adiado para outubro devido ao coronavírus

Organizadores decidirão o futuro do festival nas próximas horas

coachella coronavirus

O Coachella Valley Music and Arts Festival, está com o futuro incerto e será decidido nas próximas 48 horas. Os organizadores do evento estão planejando adiá-lo devido ao surto crescente do coronavírus nos Estados Unidos.

O festival, que está marcado para os finais de semana dos dias 10-12 e 17-19 de abril em Indio na Califórnia, poderá ser adiado para outubro. A medida, ainda não divulgada, seria para impedir seu cancelamento, afinal o Coachella, é um dos maiores eventos de música dos últimos anos, chegando a arrecadar mais de 100 milhões de dólares de bilheteria anualmente.

No caso da prevenção do coronavírus, as autoridades locais solicitaram a declaração de estado de emergência, pois a Califórnia foi um dos estados mais afetados pelo vírus, com 110 casos confirmados e uma morte.

De acordo com a revista Rolling Stone, a gerência de vários artistas já teriam entrado em contato com a organização do festival, Goldenvoice, nas últimas semanas para negociar a prorrogação. Vale lembrar que os headliners deste ano são Frank Ocean, Rage Against The Machine e Travis Scott, além de outros nomes como Lana Del Rey, Calvin Harris, Charli XCX e as brasileiras Anitta e Pabllo Vittar.

Se o Coachella for cancelado nas próximas horas, seria apenas mais um de grandes eventos cancelados em decorrência do coronavírus seguindo o Ultra Festival em Miami, o South by Southwest em Austin e o Tin Pan South Songwriters em Nashville.

Joelma aposta em sofrência dançante na faixa “Botar Pra Chorar”; ouça

Elza Soares apresenta show “Planeta Fome” em São Paulo