in

Avon leva Gloria Groove, Aretuza Lovi, Pocah e Luísa Sonza para a Parada do Orgulho LGBTQIA+; saiba o que rolou!

Com 19 trios, a 23ª Parada do Orgulho LGBTQIA+ de São Paulo aconteceu neste domingo (23) e levou para a Avenida Paulista mais de 3 milhões de pessoas. A convite da Avon, Gloria Groove, Aretuza Lovi, Pocah e Luísa Sonza subiram ao palco para se apresentar ao público.

Um dos nomes mais importantes do movimento, a cantora Gloria Groove não se apresentou só uma, mas três vezes. A drag queen levou ao evento a #FASE3TOUR, nova turnê da artista e que conta os maiores hits da carreira, como “Bumbum de Ouro”, “Coisa Boa”, “Apaga a Luz” e o mais recente lançamento “YoYo”, que conta com a participação da IZA.

+ Com muita dança e looks diferentes, Gloria Groove e IZA lançam clipe de “YoYo”; assista!

Após recém lançar o “Pandora”, primeiro álbum da carreira, Luísa Sonza levou para a Parada faixas como “Devagarinho”, “Boa Menina”, além de “Pior Que Possa Imaginar” e o mais recente single em parceria com Pabllo Vittar, que não pode estar presente, a faixa “Garupa”, ambas do novo projeto.

“Eu não consigo não pensar em não me posicionar, em não querer ajudar, não estar próxima disso. Pra mim, não faz sentido não ser isso, não fazer isso, não lutar pelo bem, pelo amor. Não é só uma causa, é o poder amar, sabe? É o mínimo que eu posso fazer como ser humano.”, contou Luisa em entrevista ao GNT.

Dona de uma personalidade forte e muito empoderada, Pocah subiu ao palco levando muito funk e canções como “Perdendo a Linha”, “Quer mais?”, “Oh Quem Voltou” e a mais recente “Não Sou Obrigada”. Além disso, a funkeira, que usava um modelito que valorizava muito o corpo, levou faixas internacionais como “Taki Taki”, sucesso na voz de DJ Snake, Selena Gomez, Ozuna, Cardi B, fazendo todos dançarem juntos.

+ Pocah lança “Não Sou Obrigada”, mais uma parceria com a Hitmaker Produções

Outro grande nome do movimento, a cantora Aretuza Lovi, subiu ao palco levando com ela toda a energia e uma vibe boa para cantar para as milhares de pessoas que estavam presentes. Lovi performou faixas como “Joga Bunda”, que conta com a participação de Groove e Vittar, “Movimento”, parceria com IZA, e outras faixas do “Mercadinho”, o primeiro álbum de estúdio da drag.

Para conferir mais sobre a 23ª Parada do Orgulho LGBTQIA+, clique aqui. Confira aqui alguns flashes postados pela Prefeitura de São Paulo.

Escrita por Otavio Pinheiro

Apenas mais um jornalista apaixonado por cinema e papelarias.

Jeniffer Nascimento é a nova repórter do “The Voice Brasil”, diz colunista

Karol Conka e Black Mantra homenageiam o rapper Sabotage no Cine Joia